"IÊ, VIVA A CAPOEIRA, CAMARÁ!”
APROPRIAÇÃO DO ESPAÇO PELA CAPOEIRA EM VITÓRIA - ES:
CONSOLIDANDO A IDENTIDADE CULTURAL E AMPLIANDO A
CIDADANIA

Nome: Elvis Reis de Oliveira
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 13/03/2019
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Ana Lucy Oliveira Freire Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Aissa Afonso Guimarães Examinador Externo
Ana Lucy Oliveira Freire Orientador
Igor Martins Medeiros Robaina Examinador Interno

Resumo: O objetivo principal desta dissertação é analisar o processo de apropriação do território na cidade
de Vitória (ES) pelos grupos de capoeira. A intenção é encontrar evidências sobre os aspectos
que essa prática pode revelar ou não em relação à dimensão da identidade cultural e da cidadania.
A partir desse objetivo, desdobramos a pesquisa em três objetivos específicos, são eles:
compreender os aspectos que constituíram a história da capoeira, realizar uma revisão
bibliográfica da Geografia sobre a temática e investigar os relatos orais dos mestres e dos
professores no que se refere à relação estabelecida entre a capoeira, apropriação do território, a
consolidação da identidade cultural e a ampliação da cidadania. Na metodologia, realizamos uma
pesquisa participante, por meio do método qualitativo. Para compreender os aspectos que
envolvem a capoeira vivenciada na cidade de Vitória, utilizamos a observação participante, que
foi sistematizada em diário de campo, registros iconográficos e relatos orais, realizados por meio
da entrevista. Dessa forma, direcionamos a entrevista para quem exercia a liderança, ou seja, o
mestre de capoeira. Essa decisão foi tomada porque consideramos esse indivíduo como o
catalisador de opiniões dentro do grupo. Em termo gerais, o mestre é aquele que, em limitado
processo de feedback com seus discípulos, forma e informa a ideologia do grupo. As perguntas
levantadas, durante a entrevista, têm como finalidade dialogar com os conceitos trabalhados
durante a pesquisa, tais como: território, identidade e cidadania. Como resultado, percebemos que
os valores transmitidos na capoeira atuam como fomentadores da identidade cultural e da
consolidação da cidadania.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910